Sugestão de Leitura - O Viajante do Século

"O Viajante do Século" de Andrés Neuman

O Viajante do Século -“Um romance futurista que decorre no passado” Andrés Neuman faz a ponte entre passado e presente através de personagens fascinantes e de um argumento intenso, pleno de intriga, humor, mistério e paixão.
Um viajante enigmático.
Uma cidade em forma de labirinto da qual parece impossível sair.Hans, o cidadão errante que carrega o mundo inteiro dentro da mala de viagem, está prestes a partir de Wandernburgo quando conhece um velho tocador de realejo que o impede de deixar a cidade. Este encontro mudará irreversivelmente o destino de Hans, que vai ficando pela cidade onde as ruas que mudam de sítio o levam ao encontro de Sophie.O resto é amor e literatura: um amor memorável, que agita camas e livros de igual modo; e um mundo imaginário, que condensa, em pequena escala, os conflitos da Europa moderna.O viajante do século propõe uma experiência única: ler o século XIX com o olhar do século XXI.Oferece um mosaico cultural da Europa pós-napoleónica, que, como a de hoje, se debate com uma crise de identidade e em que encontramos muitos dos conflitos que animam os debates do nosso século.
  • Sobre O Viajante do Século
“Tocado pelo génio. A literatura do século XXI estará nas mãos de Andrés Neuman e de muito poucos dos seus irmãos de sangue.” por Roberto Bolaño

“Andrés Neuman é um grande escritor; na realidade, é já um grande escritor; o advérbio designa uma realidade segura, não uma promessa de contornos incertos. (…) A maturidade criativa de Neuman não foi obra do acaso e O viajante do século confirma plenamente a excelência narrativa do escritor.” por ABC de las artes y las letras“Andrés Neuman é um dos escritores mais escritores que conheço desde que li o seu primeiro romance. Tem o dom da palavra e da realidade. (…) É uma máquina literária. A sua verdadeira pátria são as histórias.” por Justino Navarro, El Pais“Uma catedral narrativa de proporções colossais. Se existisse uma frase que pudesse resumir este romance seria a de Horace Wallpole: ‘A vida é uma comédia para os que pensam e uma tragédia para os que sentem’.” por Que leer
Autor: Andrés Neuman
P.V.P.: 19,50 €
Data 1ª Edição: 2010
Nº de Edição: 1ª
ISBN: 978-989-672-022-3
Nº de Páginas: 524
Dimensões: 150 x 240 mmColecção: Alfaguara
Editora: Objectiva 
  • Sobre Andrés Neuman
Nasceu em 1977 em Buenos Aires. Filho de músicos emigrados, partiu ainda jovem para Granada, em cuja universidade estudou e foi professor de literatura hispanoamericana. 

Escritor, poeta e ensaísta, é autor: · Dos romances - Bariloche, La vida en las ventanas e Una vez Argentina· Dos livros de contos El que espera, El último minuto e Alumbriamento· Da colecção de aforismos El equilibrista· Do volume Década, que reúne os seus livros de poemasPrémios recebidos:· Hiperión de Poesia· Finalista do Prémio Herralde· No Hay Festival, foi eleito um dos melhores autores da nova geração nascidos na América Latina.· Em 2009 recebeu o Prémio Alfaguara de Romance - O Prémio Alfaguara de Romance é um dos mais importantes prémios literários de Espanha, atribuído anualmente a um romance inédito em língua espanhola· Prémio Tormenta para o melhor livro publicado em castelhano em 2009

Comentários